NNOTICIA (ANUNCIAR CONOSCO)

Após 8 dias, acusado de matar esposa segue foragido; força tarefa continua, diz delegada

Por Redação em 19/04/2021 às 11:29:52

Foto: Reprodução

Neste domingo (18), o desaparecimento do acusado de matar a professora Telma Ferreira Rabero, completou oito dias. O mec√Ęnico Jadir Souza da Silva, de 51 anos, continua foragido e é procurado pela Polícia.

De acordo com informa√ß√Ķes da Delegada adjunta Thaís Duarte Miranda, respons√°vel pela Delegacia da Mulher em Sidrol√Ęndia, até agora j√° foram checadas mais de dez denúncias, só na regi√£o de Sidrol√Ęndia, todas com o apoio da Polícia Militar.

"A denúncia de que ele estaria em um milharal nas proximidades da MS-162, foi averiguada, assim como v√°rias outras, porém em nenhuma delas localizamos o acusado", destacou Thaís ao conversar com a reportagem do Noticidade na noite deste domingo.

Ainda conforme a Delegada, sua equipe est√° trabalhando com outras informa√ß√Ķes, porém para n√£o atrapalhar as investiga√ß√Ķes, ela prefere manter em segredo por enquanto.

Uma força tarefa com apoio de outras delegacias e do departamento de inteligência policial segue nesta segunda-feira (19) com o objetivo de localizar o acusado.

Feminicídio - O crime ocorreu durante uma discuss√£o do casal, Jadir teria utilizado uma foice e efetuado golpes na cabe√ßa da vítima que n√£o resistiu e faleceu no local. Testemunhas que estavam perto da casa ouviram gritos. Uma vizinha da vítima acionou a polícia.

Parentes disseram aos policiais que o casamento de 20 anos estava em crise e que Telma desejava terminar o relacionamento, mas tinha medo do comportamento agressivo do marido.

Após fugir, Jadir foi visto pela última vez em uma fazenda da regi√£o de Sidrol√Ęndia, próximo da planta√ß√£o de milho em que ele abandonou o carro utilizado na fuga, após o homicídio.

Denuncie - A polícia pede que qualquer informa√ß√£o sobre o paradeiro do acusado, entre em contato com a Polícia Civil através do número 67 3272-9200. É garantido o sigilo da denúncia.

Fonte: Noticidade

Comunicar erro
NFM#1

Coment√°rios

Klin 1