LAGUNA CARAPÃ: Marido confessa que assassinou mulher encontrada em poço

Filha do casal de 8 anos de idade presenciou a cena onde o pai agrediu e assassinou a mãe

Por Rafael R. Pinheiro em 29/09/2020 às 12:33:02

Foto: Dourados News

Eurico Rodrigues, de 41 anos, confessou a Polícia Civil que ele mesmo assassinou e jogou o corpo da Cleide Irala, de 39 anos, dentro do po√ßo dos fundos de seu sítio, na Fazenda Santa Fé, aos arredores de Laguna Carap√£.

Os policiais j√° tratavam o marido como suspeito, pois n√£o havia registro de arrombamento na casa, nem sinais de viol√™ncia, mas havia indícios de que se tratava de um homicídio ou simples acidente. O homem passou pelo procedimento padr√£o de interrogatório, onde investigadores perguntam a mesma história para o homem v√°rias vezes, e sempre que o interrogado est√° mentindo, uma hora ou outra surge alguma contradi√ß√£o. Pois bem, o homem apresentou as ditas contradi√ß√Ķes, e tamanhas foram elas, que o homem mesmo percebeu e acabou por confessar o crime.

Ele contou a história e disse que discutiu com a vítima e acabou a empurrando no po√ßo e ela acabou morrendo. Além da suspeita, a filha do casal, de apenas 8 anos, também alegou que viu o pai agredindo a m√£e de maneira amedrontadora e a jogando dentro do po√ßo em seguida.

Os familiares contam que Eurico agredia a mulher de constantemente, principalmente quando ele ficava b√™bado e acabava brigando com a mulher de maneira violenta. O autor foi autuado em flagrante pelo crime de feminicídio majorado pela presen√ßa de um descendente direto da vítima.

Fonte: SidrolandiaNews

NNOTICIA (ANUNCIAR CONOSCO)
NFM#1

Coment√°rios

Klin 1